Fortalecendo o combate às arboviroses (dengue, zika e chikungunya), doenças causadas pelo Aedes aegypti no estado, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) realiza, de hoje (13/12) a sexta-feira (17/12), a Semana de Mobilização de Combate ao mosquito, que inclui ações de enfrentamento, conscientização e educação em saúde.

A iniciativa é organizada pela FVS-RCP, por meio da Gerência de Doenças de Transmissão Vetorial – Dengue (GDTV/FVS-RCP), em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa/Manaus) e municípios. A estratégia busca também sensibilizar as secretarias municipais de Saúde na busca pela redução do número de casos das arboviroses, durante o período sazonal das doenças no Amazonas.

Como abertura do evento, nesta segunda-feira (13/12), foi realizado um seminário virtual alusivo ao Dia D de Combate ao mosquito, intitulado “A resiliência do Programa das arboviroses frente aos novos desafios e práticas no combate ao vetor no território” para servidores estaduais que atuam no combate ao mosquito. A programação ocorre das 9h às 16h.

O diretor técnico da FVS-RCP, Daniel Barros, destaca que a instituição reforça as ações de intensificação principalmente para evitar o surgimento de criadouros de mosquitos. “É importante combater o mosquito ainda em sua fase aquática, pois é a melhor forma de enfrentamento. Por isso, reforçamos a conscientização por meio de ações de educação em saúde”, afirma.

De acordo com a coordenadora da Gerência de Doenças de Transmissão Vetorial da FVS-RCP, Luzia Mustafa, a programação foi planejada para todos os dias da semana.

“A semana inicia com o seminário virtual, com palestras dos eixos do programa de combate ao Aedes aegypti: assistência ao paciente, epidemiologia, laboratório e controle vetorial. Após o seminário, começam as ações de intensificação de combate ao vetor, nos municípios e na capital, com visita domiciliar; tratamento focal; eliminação de criadouros e nebulização”, destaca Luzia.

Cronograma – Após o seminário virtual na segunda-feira, a agenda da Semana continua na terça-feira (14/12), quando têm início as intensificações de enfrentamento, com o “Checklist de 10 minutos de combate ao Aedes aegypti”, em unidades de saúde e escolares.

Por fim, na sexta-feira (17/12), a semana se encerra com uma carreata de combate ao Aedes aegypti em pontos estratégicos da capital.

Casos no estado – Entre janeiro e novembro de 2021, 14.152 casos de dengue foram registrados em todo o Amazonas; no mesmo período, 347 casos de chikungunya foram notificados, enquanto 205 casos de zika vírus foram notificados. No mesmo período do ano anterior, foram confirmados 9.246 casos de dengue, 118 de chikungunya e 43 casos de zika no estado.

Referência – A FVS-RCP é responsável pela Vigilância em Saúde do Amazonas e atua no monitoramento de doenças no estado. A instituição funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, na avenida Torquato Tapajós, 4.010, Colônia Santo Antônio, Manaus. O contato telefônico da FVS-RCP é o (92) 3182-8510.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Sine Amazonas divulga 60 vagas de emprego em diversas áreas para esta segunda-feira (31/01)

Serviços do Sine/AM estão sendo oferecidos e realizados de forma on-line O…

Governo do Estado orienta moradores da Manaus 2000 sobre processo de reassentamento do Prosamin+

Certificação dos 550 imóveis cadastrados inicia na segunda-feira (22/11).

De forma inédita, OAB-AM lança cadastro de domicílio profissional em Portugal

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Amazonas (OAB-AM), por meio da…

Semed faz alerta sobre entrega de documentos para efetivar matrícula

O período de entrega será amplamente divulgado, assim que for definido pela Prefeitura de Manaus.