Com a meta de imunizar 80% da população de cães e 100% da população de gatos, como recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), a Prefeitura de Manaus, por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) Doutor Carlos Durand, iniciou, nesta quinta-feira, 9/12, a Campanha de Vacinação Antirrábica Animal de 2021. A estimativa é que sejam imunizados 225.335 animais, sendo 161.110 cães e 64.225 gatos.

O trabalho foi iniciado na zona Norte de Manaus com as equipes atuando na comunidade Braga Mendes, seguindo na sexta-feira, 10/12, para vacinação no bairro Cidade de Deus.

Durante a cerimônia de início da campanha, realizada na sede do CCZ, no bairro Compensa (zona Oeste), o subsecretário municipal de Gestão da Saúde, Djalma Coelho, destacou a importância da campanha para garantir o cuidado da saúde dos animais, mas também para a prevenção da ocorrência de casos de raiva nos seres humanos.

“A raiva é uma zoonose que pode ser transmitida dos animais para o ser humano. Tem uma alta taxa de mortalidade e a prevenção com a vacina é a melhor arma também contra essa doença. Por isso, é importante trabalhar para atingir as metas em relação à cobertura vacinal”, alertou o subsecretário.

Além da prevenção com a vacinação antirrábica para cães e gatos, Djalma Coelho destacou que a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) também executa as ações do programa de Profilaxia e Controle da Raiva Humana, que atende pessoas que procuram as unidades de saúde em caso de agressão por animais domésticos (cães e gatos) ou silvestres, que são potenciais transmissores do vírus da raiva para o ser humano.

“São medidas em que ao ser atacada por um animal, a pessoa pode procurar uma Unidade de Saúde para receber atendimento e, de acordo com a avaliação do profissional de saúde, o uso do soro ou vacina, assim como orientações de acompanhamento do animal, seguindo os protocolos do Ministério da Saúde”, informou o subsecretário.

O diretor do CCZ, médico veterinário Rodrigo Araújo Rodrigues, informou que, como acontece todos os anos, a campanha será executada com a vacinação em domicílio, iniciando na zona Norte de Manaus e depois seguindo para as zonas Leste, Sul e Oeste.

“As equipes de vacinadores irão trabalhar de segunda-feira a sábado durante o período da campanha, realizando as visitas em domicílio no horário das 8h às 13h. Devem ser vacinados cães e gatos a partir de três meses de idade e que apresentem boas condições de saúde”, orientou o diretor.

A cerimônia de início da campanha contou também com a participação do médico veterinário e presidente do Conselho Municipal de Saúde (CMS/Manaus), Jorge Carneiro, que lembrou que desde a década de 80 existe um consenso científico de que a melhor estratégia para bloquear a circulação urbana do vírus da raiva é através da vacinação de cães e gatos, que são os principais reservatórios da doença no ambiente urbano.

“A própria OMS determina que para uma população ficar protegida e, consequentemente, ter a circulação do vírus restrita, é necessário alcançar a vacinação de 80% da população canina e 100% da população de felinos naquele ambiente urbano. Manaus vem conseguindo atingir essa meta constantemente e por conta disso os últimos casos registrados da doença são da década de 80, no ano de 1983 o caso humano e no ano de 1985 o caso animal, comprovando que a estratégia da vacinação é a melhor forma de prevenir a circulação do vírus da raiva”, informou Jorge Carneiro.

Ele também orientou sobre a importância dos cuidados em caso de agressão por cães e gatos e as medidas de Profilaxia e Controle da Raiva Humana.

“Uma vez que acontece a agressão do animal, as medidas de profilaxia são os meios que se tem de bloquear o acesso do vírus ao sistema nervoso central. A primeira coisa a fazer é lavar intensamente o local em que a mordida aconteceu e em seguida procurar uma Unidade de Saúde de referência para que o atendimento seja feito. Nesse sentido, o CMS, por meio dos conselheiros de saúde, tem papel fundamental na divulgação das ações e da campanha de vacinação, estimulando a população para que receba os vacinadores e permita a imunização dos animais”, disse Jorge Carneiro.

Serviço

Além da campanha anual de vacinação antirrábica animal, o CCZ oferece a vacina antirrábica para cães e gatos na rotina de serviços durante todo o ano, na sede do próprio CCZ, no bairro Compensa, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h, e na Unidade Móvel instalada na Minivila Olímpica, no bairro Coroado, de segunda a sexta-feira, das 7h às 13h.

Para mais informações, a Semsa disponibiliza o Disque Saúde (0800 280 8 280) e a população também pode entrar em contato com o CCZ pelo email cczcidadao@pmm.am.gov.br .

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Feira da Panair passa por obra emergencial para conter erosão

As equipes da Seminf trabalham no local utilizando máquinas escavadeiras, pás mecânicas, retroescavadeiras, um rolo compactador, além de dez caçambas. 

Prefeitura realiza sanitização em terminal e empresa de ônibus

A sanitização no Centro iniciou por volta de 23h e prosseguiu até à 1h desta sexta-feira, 4/2.

SES-AM orienta sobre medidas para evitar transmissão de doenças respiratórias durantes festas de fim de ano

Uso correto da máscara, higienização das mãos e reuniões em ambientes arejados são alguns dos cuidados