A Arena da Amazônia Vivaldo Lima amanheceu nesta quarta-feira (08/12) de um jeito diferente, o palco de grandes jogos de futebol deu lugar a disputa da Corrida dos Imunizados. O evento, que incentivou a vacinação contra a Covid-19 e a doação de sangue, foi organizado pelo Governo do Amazonas, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar).

O evento, que incentivou a vacinação contra a Covid-19 e a doação de sangue (FOTOS: Mauro Neto/Faar).

A corrida teve o trajeto de cinco quilômetros e passou pela avenida Constantino Nery, avenida Dr. Theomario Pinto da Costa, rua Paxiúbas, avenida Pedro Teixeira, rua Jornalista Flaviano Limongi, com largada e chegada no podium da Arena. A disputa durou cerca de duas horas e foi dividida entre as categorias masculino e feminino individual, cadeirante e deficiente visual.

“Mais um grande evento esportivo realizado pelo Governo do Amazonas. Esta é a mensagem transmitida por meio da Faar: que a saúde vem em primeiro lugar. A vacinação, a doação de sangue, a prática esportiva e os protocolos contra a Covid-19 são ferramentas para que todos nós possamos alcançar esse objetivo”, enfatizou Jorge Oliveira, diretor-presidente da Faar.

Entre os participantes totalmente imunizados, 150 deles ganharam o ingresso para a corrida por meio do programa Vacina Premiada, além de 3% das vagas terem sido destinadas às pessoas que frequentemente realizam a doação de sangue no Fundação Hospitalar de Hematologia e Hemoterapia do Amazonas (Hemoam).

(FOTOS: Mauro Neto/Faar).

Medalha de ouro na categoria masculino, Juarez Silva foi o primeiro a completar a prova e aprovou a disputa organizada pelo Governo do Amazonas. “Muito feliz e muito gratificante quando a gente tá aqui participando após essa batalha que todo mundo viveu. E é assim, vamos vacinar, porque a vacina salva vidas, nós precisamos voltar ao normal”, comentou.

Já para Franciele dos Santos, primeira colocada na categoria feminino, é lindo ver o fomento à vacinação contra a Covid-19 unido à prática esportiva. “Uma iniciativa muito bonita, que incentiva os que ainda não tomaram a vacina, se vacinem, para que a gente possa voltar a nossa rotina ao normal porque ficamos um bom tempo fora das pistas”, disse.

(FOTOS: Mauro Neto/Faar).

RespirAR – A competição ainda contou com apoio da base informativa do RespirAR, projeto do Governo do Amazonas que reabilita pessoas com sequelas deixadas pela covid-19. Profissionais de fisioterapia, educação física e técnicos de enfermagem orientaram os corredores sobre a importância de completarem o ciclo vacinal. Além de oferecerem serviço de liberação miofascial e alongamento aos corredores.

“Quarenta e três anos que eu não sabia o que era fazer exercício físico, meu primeiro exercício foi no projeto RespirAR para me tratar das sequelas da Covid. Agradeço de coração que através do projeto pessoas como eu foram resgatadas para uma nova vida, hoje estou aqui, na minha primeira corrida de rua, mostrando que eu venci a Covid”, relatou Luiz Gonzaga da Silva, que recebeu alta do tratamento há menos de um mês.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Vacina Premiada: sorteados para torneio de futebol podem retirar ingressos na Arena da Amazônia

A entrega será realizada de 10h até as 16h na Área Vip do estádio

Torneio Internacional de Futebol Feminino consolida Amazonas na rota dos grandes eventos esportivos

Competição iniciou nesta quinta-feira, na Arena da Amazônia

Na Arena Amadeu Teixeira, equipes de Manaus sobem à série Ouro do handebol amazonense

Com apoio do Governo do Amazonas, campeonato estadual da modalidade chega às fases decisivas.