Anunciado pelo governador Wilson Lima, o novo batalhão das Rondas Ostensivas Cândido Mariano (Rocam) vai trazer melhorias e valorização aos profissionais que integram a força de patrulhamento reforçada da Polícia Militar do Amazonas (PMAM). Situado na avenida Buriti, no Distrito Industrial, zona leste de Manaus, o prédio terá 3 mil metros quadrados de área construída e está orçado em R$ 8 milhões.

“O prédio [da Rocam] era um anseio da tropa, um anseio de muito tempo, e a gente vem trabalhando nesse projeto, no processo licitatório. A gente já tem concluído tudo isso, todas essas etapas já foram superadas”, afirmou o governador Wilson Lima, que assinou a ordem de serviço para a obra na semana passada.

A construção do batalhão é parte das ações do programa Amazonas mais Seguro e conta com investimento da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). A obra será realizada pela Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra). O novo prédio contará com casa de treinamento técnico, pavilhão-escola, academia, auditório e quadra poliesportiva, dentre outros ambientes.

(FOTOS: Bruno Zanardo e Diego Peres/Secom; e Divulgação/Seinfra).

O major da Rocam, Igor Reis, lembra que a proposta de criar uma casa para o batalhão já perdura há anos e que somente na atual gestão será iniciada. “É uma forma de valorização do profissional de Segurança. Esses aguerridos policiais militares, homens e mulheres, que servem diuturnamente à sociedade, hoje terão uma sede própria, com instalações novas e apropriadas, como alojamento, refeitório, sala de instruções e estandes de tiro”, destacou.

Conforme o major, com o novo prédio, quem ganha é a sociedade amazonense. “Dessa forma, motivados, eles [os policiais militares] vão propiciar ainda mais sensação de segurança na forma das suas ações, mais otimizadas em prol da sociedade do Amazonas”, concluiu.

Sobre a obra – O novo espaço irá dispor de prédio de administração contendo auditório com capacidade para 80 pessoas, pavilhão-escola com banheiros e vestiários, casa de treinamento tático, quadra poliesportiva, palanque para solenidades, posto de observação, subestação e estacionamento coberto para as viaturas com 30 vagas, além de estacionamento com 187 vagas, sendo 30 reservadas para viaturas, 12 para motos e oito para idosos, gestantes e pessoas com deficiência (PcDs).

(FOTOS: Bruno Zanardo e Diego Peres/Secom; e Divulgação/Seinfra).

A parte frontal do terreno terá mureta com gradil, jardim e plantas ornamentais. O projeto prevê ainda a construção de uma jardineira próximo à guarita e a plantação de árvores frutíferas ornamentais, principalmente de espécies vegetais diversas da flora amazônica, devidamente catalogadas, ao longo do muro que cerca o terreno. Na parte dos fundos, está prevista a plantação de bambu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Shopping Manaus ViaNorte estende prazo e recebe campanha de imunização contra Covid-19 até final do ano

A ação faz parte da campanha “Vacina Amazonas”, da Prefeitura de Manaus e do Governo do Estado

Escolas de samba mobilizam comunidades para vacinação neste sábado (05/02)

Ação faz parte da campanha “Pra Sambar Tem que Vacinar” e vai acontecer nas quadras das agremiações, das 9h às 16h