As escolas da rede pública estadual de Manaus iniciaram a aplicação das provas do Sistema de Avaliação da Educação Básica (Saeb), nesta segunda-feira (22/11). Esta é a primeira vez, desde o início da pandemia de Covid-19, que os 113 mil estudantes serão avaliados para análise de indicadores da educação pública no país. Participam do exame alunos  dos 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino Médio.

Participam do exame alunos  dos 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e da 3ª série do Ensino Médio (FOTOS: Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM).

A aplicação segue até 10 de dezembro. O exame é nacional e permite ao Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) realizar um diagnóstico da educação brasileira, norteando, a partir dos resultados, as políticas educacionais a serem adotadas.

Desde o início do ano, as unidades escolares da capital e do interior mobilizam alunos, professores, pedagogos, pais e responsáveis, no intuito de reforçar a importância das provas para a rede pública de ensino.

Professora do 5º ano na Escola Estadual de Tempo Integral (Eeti) Almirante Barroso, Eliane Chaves, conta que foi desafiador trabalhar os conteúdos com os alunos, sobretudo por causa da pandemia, mas está confiante no resultado que a classe terá.

(FOTOS: Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM).

“Acredito muito na minha turma, eles são inteligentes e esforçados. Também tive a compreensão e a ajuda dos pais, que sempre estiveram presentes. Nós trabalhamos todos os conteúdos voltados para o Saeb, todos os descritores de Matemática e todos os descritores de Língua Portuguesa, que foram trabalhados minuciosamente”, detalha a professora.

Uma das alunas de Eliane, Lorena Prado, diz que o conteúdo foi amplamente trabalhado e reforçado e, apesar da ansiedade, estava pronta para a prova.

“A gente se preparou bastante porque sabemos que essa nota vai para o nosso currículo. A professora Eliane botou pressão na gente para a gente tirar uma nota boa e não ter nenhuma nota baixa. Minha mãe pedia pra eu ler algumas coisas de matemática, português. Eu fazia todas as tarefas. Quero tirar uma nota boa, não tirar uma nota baixa. Isso que eu quero para o meu currículo”, afirma a estudante.

Visitas – A secretária de Educação, Kuka Chaves, e a secretária adjunta da capital, Arlete Mendonça, visitaram as Eetis Almirante Barros e Marquês de Santa Cruz, para conversar com os estudantes e acompanhar o início das provas.

“Para nossa felicidade, as escolas visitadas tiveram êxito de ter os 100% de seus alunos dentro da sala de aula. Sabemos da importância da prova do Saeb, sabemos da necessidade de ter uma noção de avaliação de como os nossos alunos tiveram aprendizado durante esse período e nós temos certeza que o Amazonas sairá na frente. O que nos deixa muito felizes, é que o Amazonas conseguiu ser pioneiro no retorno às aulas e que hoje nós podemos ter 100% dessas crianças, desses adolescentes dentro de suas salas de aula realizando suas avaliações”, frisa Chaves.

Saeb – O Saeb reflete os níveis de aprendizagem demonstrados pelos estudantes avaliados, explicando esses resultados a partir de uma série de informações contextuais. O resultado da avaliação é um indicativo da qualidade do ensino e oferece subsídios para a elaboração, o monitoramento e o aprimoramento de políticas educacionais com base em evidências.

As médias de desempenho dos estudantes, apuradas no Saeb juntamente com as taxas de aprovação, reprovação e abandono apuradas no Censo Escolar, compõem o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Wilson Lima inicia entrega do Auxílio Estadual permanente em Itacoatiara, onde vai alcançar mais de 6 mil famílias

Município abre agenda de entregas no interior, que terá 142 mil famílias beneficiadas com auxílio mensal de R$150.

Seap inicia novos cursos profissionalizantes para reeducandos em parceria com o Cetam

Nova rodada de capacitações irá alcançar 143 pessoas.

Governo divulga a lista com os primeiros contemplados do projeto CNH Social no Amazonas

As inscrições continuarão até o dia 31 de dezembro deste ano

Roberto Cidade fará anúncio de reajuste salarial histórico aos servidores da Assembleia Legislativa

O prefeito de Nova Olinda do Norte, Adenilson Reis (MDB) acompanhou a assinatura da emenda e agradeceu o auxílio ao povo de novolindense.