O Amazonas apresentou redução no número de casos, hospitalizações e óbitos por Covid-19 na primeira quinzena do mês de novembro, em comparação com o mesmo período do ano passado. Conforme levantamento feito pela Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM), divulgado nesta sexta-feira (19/11), foram registrados 897 casos da doença nas primeiras duas semanas deste mês, enquanto que no mesmo período de 2020 foram 7.650 casos – uma queda de 88%.

O secretário de Saúde, Anoar Samad (Fotos: Roberto Carlos/Secom).

A redução de casos em Manaus foi de 92% na primeira quinzena de novembro, com 247 registros este ano, contra 3.342 no mesmo recorte de 2020. No interior,  na mesma comparação, a redução foi de 84%, saindo de 4.308 casos confirmados no ano passado para  650 este ano, o que representa uma queda de 84%.

O secretário de Saúde, Anoar Samad, destaca a importância da vacinação na redução das alças epidêmicas vivenciadas nos períodos mais agudos da pandemia.

“A variável que nós não tínhamos ano passado e temos esse ano é a vacina. Quanto mais avançarmos com essa vacinação, com certeza esses números vão se manter. Todo esse quadro está refletindo que nós estamos com a doença sob controle no Amazonas, estamos com baixo risco”, observou Anoar.

Ele ressaltou, ainda, que estratégias como os mutirões “Vacina Amazonas” e a vacinação em shoppings fortalecem a campanha de imunização contra a Covid-19.

“Quando começamos a realizar os mutirões foi um sucesso. Auxiliando as prefeituras fizemos mais de 20 mutirões no interior e capital. O pico de primeira dose foi impressionante, um sucesso moderado na segunda dose, e agora o governador nos pediu essa estratégia, em parceria com a Prefeitura de Manaus em alguns shoppings, já estamos com cerca de 40 mil doses aplicadas, uma estratégia que vem funcionando bastante”, detalhou o secretário.

A taxa de transmissão (Rt) do Amazonas está em 0,91 o que significa que cada 100 infectados podem transmitir o vírus para outras 91 pessoas. Atualmente a média móvel de casos por dia diagnosticados no Amazonas está em 56, de acordo com estudo periódico realizado por técnicos da Fundação de Vigilância em Saúde Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP).

Hospitalizações – Em relação à quantidade de pessoas hospitalizadas por Covid-19, houve queda de 92% no Amazonas. Em 2020, nos primeiros 15 dias de novembro, o número de novas hospitalizações foi de 616, enquanto neste ano foram 46 internações.

Somente na capital, a redução foi de 93%, saindo de 351 hospitalizações na primeira quinzena de novembro de 2020 para 23 em igual período de 2021. No interior, a queda nas internações na mesma comparação foi de 91%, de 265 no ano passado para 23.

Dados divulgados pela FVS-RCP nesta sexta-feira apontam que o Amazonas apresenta, hoje, média de cinco novas hospitalizações por Covid-19 por dia.

Óbitos – Na comparação entre a primeira quinzena de novembro de 2020 e 2021, o número de mortes por Covid-19 caiu 95%, saindo de 170 óbitos no ano passado para oito neste ano.

A redução na capital também foi de 95%, com 111 óbitos registrados no início de novembro em 2020, e cinco neste ano. No interior, as duas semanas iniciais de novembro tiveram 59 mortes confirmadas por Covid-19 ano passado, enquanto em 2021 foram três no mesmo período, alcançando 94% de queda.

Conforme a FVS-RCP, a média móvel de óbitos pela Covi-19, por dia de ocorrência no Amazonas, está em dois.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Policlínica Codajás abre chamamento público para pacientes do projeto TransOdara

Pacientes podem procurar o Ambulatório de Diversidade Sexual e Gênero, em horário comercial, e agendar o retorno

Prefeitura e Águas de Manaus vão assinar termo para manutenção de sistema na praia Ponta Negra

O objetivo inclui, também, melhorar a qualidade da balneabilidade da água no parque.

Balanço da Covid-19 no Amazonas é atualizado pela FVS-RCP, nesta segunda-feira (22/11)

O boletim diário é construído com as informações disponibilizadas diariamente pelas prefeituras municipais.

Vacina Premiada sorteia 500 pares de ingresso para Torneio Internacional de Futebol Feminino

Além do evento esportivo, imunizados contra a Covid-19 podem concorrer a ingressos para dois shows de humor, um evento da torcida organizada do Flamengo e ao show do cantor Gusttavo Lima.