O programa vai beneficiar cerca de 60 mil pessoas, diretamente, e vai construir 648 unidades habitacionais. Entre outros benefícios (Foto: Divulgação UGPE)

O Governo do Amazonas recebeu aprovação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) para o Projeto de Avaliação de Impacto ao Patrimônio Arqueológico (Paipa), para as obras da nova etapa do Programa Social e Ambiental de Manaus e Interior (Prosamin+).

As obras sob a execução da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) vão permitir a ampliação das intervenções na extensão do Igarapé do 40 em direção à zona leste da cidade, contemplando uma área de 340 mil metros quadrados com urbanização, saneamento básico e construção de moradias.

De acordo com o coordenador executivo da UGPE, engenheiro civil Marcellus Campêlo, a aprovação do projeto junto ao Iphan demonstra a responsabilidade do Governo do Amazonas com o patrimônio cultural de Manaus.

“Essa é uma etapa importante do processo. A aprovação do Iphan indica que o projeto atende a todos os itens previstos na Instrução Normativa nº 001/2015, relacionados à identificação e caracterização dos bens arqueológicos na área do empreendimento”, observa o coordenador.

Ainda segundo Marcellus, o próximo passo consiste na execução da pesquisa de campo na área de intervenção direta da obra, que será feita por uma equipe técnica composta por geólogos, antropólogos e historiadores contratados pelo projeto.

Manaus (Foto arquivo) – Projeto apresentado ao órgão federal visa a identificação e caracterização dos bens arqueológicos na área do empreendimento. (Foto: Divulgação UGPE)

A nova etapa do Prosamin+ tem investimento de R$ 542 milhões, financiados pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) com contrapartida do Estado. As intervenções iniciam na zona sul, seguindo o curso do Igarapé, alcançando pela primeira vez a zona leste, uma das mais populosas e carentes de infraestrutura em Manaus.

O programa vai beneficiar cerca de 60 mil pessoas, diretamente, e vai construir 648 unidades habitacionais. Entre outros benefícios, vai proporcionar moradia digna, saneamento básico com coleta e tratamento de esgoto e água tratada, drenagem urbana e tratamento de áreas de risco socioambiental, com reflorestamento, novas vias de trânsito e requalificação urbanística.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Vacina Premiada: Governo inicia entrega de ingressos para Torneio de Futebol Feminino aos sorteados na campanha

Retirada dos ingressos acontece na Área VIP da Arena da Amazônia, das 10h às 16h

Wilson Lima confirma pedido de envio da Força Nacional de Segurança para região do rio Madeira

A solicitação foi oficializada após reunião do governador com o ministro da Justiça ontem, em Brasília. Medida visa inibir avanço de ilícitos na área

Governo do Amazonas assina convênio para pavimentação de ruas em Uarini

A pavimentação de cinco ruas no bairro de São Jorge contribuirá com a segurança e bem-estar da população