A mercadoria apreendida será encaminhada para perícia pela Polícia Civil (Fotos: João Pedro Sales/Procon-AM)

O Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM) apreendeu 103 Kg de farinha de trigo em três distribuidoras de Manaus nesta terça-feira (16/11), após denúncia de que os produtos estavam adulterados. O material será analisado para confirmar se há a irregularidade.

A ação ocorreu em distribuidoras localizadas no Distrito Industrial e na Cidade de Deus, nas zonas sul e norte de Manaus, respectivamente. As empresas também foram notificadas e deverão entregar, em até cinco dias corridos, as notas fiscais de compra e venda do produto nos últimos três meses.

Segundo o diretor-presidente do Procon-AM, Jalil Fraxe, a fiscalização ocorreu após denúncia encaminhada ao órgão. A mercadoria apreendida será encaminhada para perícia pela Polícia Civil.

“Recebemos a informação de que os produtos eram vendidos com informações que não correspondem ao real conteúdo das embalagens. Esse material passará por uma minuciosa investigação e, se comprovada a infração, os estabelecimentos sofrerão as sanções correspondentes”, apontou Fraxe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Governo lança vacinação contra a Covid-19 em casas de shows de Manaus

Seis estabelecimentos receberão público a partir de 12 anos para 1ª e 2ª doses, além da dose de reforço

UGPE realiza mapeamento das pontes e acessos na Comunidade da Sharp

Objetivo é apoiar ações do Município na área, que passará, em 2022, por obras do Prosamin+