A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da equipe de investigação da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), cumpriu nesta quarta-feira (17/11), por volta das 11h, mandado de prisão em razão de sentença condenatória em nome de Marcos Ferreira da Costa, 38, conhecido como “Marquinho”, por homicídio qualificado praticado em setembro de 2008. O homem foi condenado a 13 anos de prisão pelo crime.

Conforme o delegado Ricardo Cunha, titular da DEHS, a prisão ocorreu na casa do indivíduo, no bairro Compensa, zona oeste da capital. A autoridade policial relatou que, na ocasião do delito, ambos estavam consumindo bebidas alcoólicas e se desentenderam, momento em que Marcos desferiu golpes de faca contra a vítima, que foi a óbito no local.

“Tomamos conhecimento de um mandado de prisão por sentença condenatória que estava em aberto em nome do indivíduo. A ordem judicial foi expedida no dia 24 de agosto de 2020, pela juíza Ana Paula de Medeiros Braga Bussulo, da 2ª Vara do Tribunal do Júri. Nós nos deslocamos para a casa de Marcos e efetuamos a sua prisão”, esclareceu Cunha.

Procedimentos – Marcos foi condenado a 13 anos de prisão e responderá pelo crime de homicídio qualificado. Ele foi encaminhado ao prédio da DEHS e, posteriormente, conduzido à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde passará por audiência de custódia e seguirá à disposição da Justiça.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

PC-AM solicita apoio da população na divulgação da imagem de jovem que desapareceu no bairro Petrópolis

Jhonata de Sousa Resende, 20, possui deficiência intelectual e está desaparecido desde quarta-feira (1º/12)

TCE-AM julgará contas de Arthur Virgílio e Wilson Lima na próxima semana

A sessão foi presidida pelo conselheiro Érico Desterro, em substituição ao presidente Mario de Mello, viajando a exercício do TCE-AM.

PC-AM apresenta balanço da Operação Vetus 2, voltada à apuração de crimes contra a pessoa idosa

Ação coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), ocorre desde o dia 15 de outubro.

Procon-AM e Ipem-AM orientam consumidores e lojistas sobre promoções da Black Friday

Durante ação em shoppings da zona leste de Manaus, produtos fora da validade e sem certificação do Inmetro foram apreendidos.