Foto: Michael Dantas

A “Mostra Casa Museu Wagner Melo”, que será realizada entre os dias 3 e 6 de novembro, no Palacete Provincial (Praça Heliodoro Balbi, Centro) reunirá mais de 1.900 objetos e uma programação com exibição de vídeos e leituras dramatizadas que contemplam 71 anos da vida do artista amazonense. O evento, promovido pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, será gratuito.

Foto: Michael Dantas

A mostra é um misto de acervo e processos criativos do diretor, cenógrafo, produtor e dramaturgo Wagner Melo. O acervo reunirá 857 CDs, 792 DVDs, 277 livros e impressos sobre arte, cultura e cinema.

Nos processos, o público encontrará registros de “A última dança de Cátia Bolerão”, primeira montagem que Wagner fez em Manaus; o artista como Piaf Gaynor, na adaptação de “O belo indiferente”, de Jean Cocteau; e da montagem “Romeu Garantido e Julieta Caprichoso”, que mostra a rivalidade dos bumbás, numa versão regional do clássico de William Shakespeare. 

Os itens ficarão expostos no Museu de Imagem e Som do Amazonas (Misam), que fica dentro do Palacete.

Programação

Além dos itens, o público poderá acompanhar uma programação com sessões de vídeo e leituras dramatizadas escolhidas pelo próprio artista. A abertura será realizada na quarta-feira (3/11), às 10h. Às 10h30, será exibida a sessão de vídeo “Mundica”, da companhia de teatro de repertório Wagner Melo. 

Às 15h, ainda na quarta-feira, acontecerá a leitura dramatizada de “Vida de Palhaço Fellini para Crianças”, de Wagner Melo, com o Grupo Experimental de Teatro do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro. 

Na quinta-feira (4/11), a partir de 9h30, serão exibidos o filme “Villa-Lobos: uma vida de paixão”, de Zelito Viana, e o documentário “O Cineasta da Selva”, de Aurélio Michiles. 

Na sexta-feira (5/11), também às 9h30, “Dzi Croquettes”, filme de Tatiana Issa e Raphael Alvarez. Às 15h, acontecerá a leitura dramatizada do texto “Dziprocesso”, de Jorge Bandeira com Wagner Melo, e convidados.

No sábado (6/11), a programação encerra com o filme “A Selva”, filme de Leonel Silva, às 9h30. 

Acesso

Para visitar o Palacete e a mostra de Wagner Melo é preciso agendamento pelo Portal da Cultura (www.cultura.am.gov.br) dentro do horário de funcionamento do espaço, das 9h às 17h. O público também precisa apresentar a carteira de vacinação com as duas doses contra a Covid-19, ou ainda no prazo para tomar a segunda dose. O uso de máscara é obrigatório.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode gostar

Prefeitura inicia programação artística do ‘Natal das Águas’ e movimenta economia de Manaus

A programação artística inicia no primeiro domingo de dezembro, 5/12, e segue até 29/12

Prefeitura de Manaus reabre o Centro Cultural Óscar Ramos

Locais reabrem seguindo protocolos de segurança contra Covid-19.

Delegação amazonense conquista cinco medalhas no Campeonato Brasileiro de Orientação

Competição nacional ocorreu no litoral do Ceará.

Vacina Premiada divulga resultado para três eventos do fim de semana, em Manaus

Mais de 300 ingressos foram sorteados entre participantes com as duas doses da vacina contra Covid-19