Foto: Divulgação/Faar

Com o investimento do Governo do Amazonas, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (Faar), o esporte do estado tem voado cada vez mais alto. Neste final de semana, desportistas locais brilharam com a conquista de 21 medalhas em competições nacionais.

Foto: Divulgação/Faar

“Essa enxurrada de medalhas é o resultado do trabalho realizado pelos atletas, federações e Governo do Amazonas. Seguiremos investindo para que mais campeões possam viajar e trazer grandes resultados para o nosso estado”, aponta Jorge Oliveira, diretor-presidente da Faar.

Na disputa da 1ª Copa Floripa de Parajiu-jitsu, em Florianópolis, o Amazonas faturou seis ouros com os lutadores Jonathas Machado e Ender Rodrigo, contemplados com passagens para disputa pelo Governo do Estado, além de Alex Taveira, Flávio Leonardo, João Gonzales e Leandro Lucas.

“O Amazonas sempre está muito forte, sempre bem preparado. Sempre estamos ganhando, trazendo medalhas. E a cada competição nós nos preparamos mais e vamos vir com mais força. Quando a ‘galera’ do Amazonas está chegando, o negócio ‘pega’!”, afirma Jonathas, faixa-azul medalha de ouro na categoria Inferior Master 2.

Já em Brasília, o estado dominou as pistas do Meeting Paralímpico Loterias Caixa com a conquista de 14 medalhas, sendo 13 de ouro e uma de prata. Os campeões integram a equipe da Associação Paradesportiva do Norte (Apan), que realiza os treinamentos diários na pista de atletismo da Vila Olímpica, zona centro-oeste.

Além do apoio em infraestrutura, foram assistidos pela Faar com passagens para a disputa Camili Vitória, primeira colocada nas provas de 100m e 200m rasos; Nelson Peres, ouro nos 400m e 800m rasos; e Gabriel Couto, atleta-guia que auxiliou os corredores na categoria T11 (referente à deficiência visual).

Além do trio, quem retornou do Meeting Paralímpico com ouro a mais na bagagem foi Ângelo Chaves, primeiro lugar nos 1500m e 5000m rasos; Emerson Campos, campeão nas provas de arremesso de peso e lançamento de dardo; Marcos Antônio, ouro 400m e 800m rasos, e Mateus Pacheco, primeiro colocado nos 100m e prata nos 200m rasos.

Wrestling 

A amazonense Sabrina Gama viajou com o investimento do Governo do Estado e fez bonito nos tatames de Campina Grande (PB), neste domingo (24/10). A atleta foi medalha de ouro no Campeonato Brasileiro Interclubes de Wrestling Sênior 2021, na categoria até 53 quilos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você pode gostar

Prosamin+ tem projeto de avaliação de impacto ao patrimônio arqueológico aprovado pelo Iphan

Projeto apresentado ao órgão federal visa a identificação e caracterização dos bens arqueológicos na área do empreendimento.

Amazonense Pedro Nunes é ouro no Jogos Pan-Americanos, na Colômbia

O Brasil fez uma dobradinha no pódio com a prata do mineiro Luiz Maurício

Sine Manaus oferta 104 vagas de emprego nesta quinta-feira, 18/11

Se a vaga exigir habilidades específicas, é necessário apresentar comprovação, como certificados ou outros documentos.